Vítima de acidente com ônibus na BR-153 morreu abraçada a bebê, diz bombeiro

Vítima de acidente com ônibus na BR-153 morreu abraçada a bebê, diz bombeiro

- emAcidente, Corpo de Bombeiros, Goiânia, Goiás, Trânsito
Foto: Divulgação/Polícia Civil

.

.

Na madrugada do último domingo, 27, duas pessoas morreram em um acidente de ônibus, na BR-153, em Goiânia, ao lado do Ginásio Goiânia Arena. Uma das vítimas do acidente morreu abraçada ao filho de 6 meses de vida, segundo os primeiros bombeiros que chegaram ao local. A criança teve apenas ferimentos na perna e foi levada para um hospital.

De acordo com a Polícia Civil, o veículo, que era clandestino, caiu de um viaduto, bateu contra um poste e acabou tombando às margens da rodovia, deixando ao menos 43 feridos. O ônibus havia saído de São Mateus do Maranhão e viajava para São Paulo.

O acidente ocorreu por volta das 2h40 do domingo, no km 499 do perímetro urbano da BR-153, no Jardim Goiás, região sul de Goiânia. Conforme informações divulgadas pela Delegacia de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict), “por motivos ignorados”, o ônibus derivou pela direita, caiu do viaduto e bateu contra o poste de concreto.

Mãe morre abraçada ao filho

“Ela estava com a mão em cima da cabecinha dele. Ele estava quietinho. Na hora, ela deixou de apoiar em qualquer lugar para salvar o filho dela. Infelizmente, não deu para salvarmos a mãe, mas o bebê está bem”, disse o soldado do Corpo de Bombeiros Beadnel Gomes Silva Filho.

O bebê foi levado ao Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueiria (Hugol). De acordo com outros passageiros, outro filho da vítima, de 17 anos, estava na poltrona ao lado da que a mãe estava sentada. Ele sobreviveu. Outros dois parentes também viajavam no ônibus.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Comentários

Destaque

Ceres comemora seus 66 anos e prefeitura divulga convite e calendário de eventos: confira

    Convite A Prefeitura de Ceres tem