URGENTE: Goianésia registra 3ª morte por novo coronavírus – Paciente estava internado há 29 dias em U.T.I. da cidade

URGENTE: Goianésia registra 3ª morte por novo coronavírus – Paciente estava internado há 29 dias em U.T.I. da cidade

- emGoianésia, Goiás, Pelo Brasil, Política, Saúde
Foto: reprodução

 

 

Na manhã desta quarta-feira (29), Goianésia registrou a 3ª morte causada pelo novo coronavírus. Após 29 dias internado em uma U.T.I (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital particular do município, Claudio Roberto da Silva, de 45 anos, não resistiu e veio a óbito.

Segundo informações, a confirmação de que o homem, que era funcionário da empresa Jalles Machado, estava com Covid-19 veio no dia 06 de abril. Ele foi afastado do trabalho no dia 23 de março, quando começou a apresentar alguns sintomas, como tosse e febre.

Apesar de não se queixar de falta de ar, Claudio foi orientado a ficar em isolamento, em casa. No dia 26 (do mês passado), o homem apresentou febre, fraqueza e fadiga. Ele chegou a realizar um teste para dengue, que deu negativo.

No dia 30 de março, Claudio procurou uma unidade médica, que começou a investigar seu caso como pneumonia e suspeita de Covid-19. Devido ao agravamento do quadro respiratório, o paciente foi encaminhado para uma U.T.I. no dia 31 de março, onde passou 29 dias. Na manhã desta quarta-feira (29), Claudio não resistiu e faleceu por volta das 08h40.

Claudio é a terceira vítima de Covid-19 no município. No dia 22 de abril a cidade registrou a primeira morte; um paciente com mais de 60 anos do sexo masculino. No dia seguinte, 23 de abril, outro paciente do sexo masculino, com mais de 60 anos, também morreu devido à doença.

Confira a nota divulgada pela empresa Jalles Machado:

Comentários

Destaque

Mulher com suspeita de ligação com o tráfico de drogas é morta em Uruana

    No último domingo, 25 de outubro,