Jovem é preso suspeito de matar, arrancar os olhos e a pele do rosto da vítima

Jovem é preso suspeito de matar, arrancar os olhos e a pele do rosto da vítima

- emGoiás, Polícia
Foto: Polícia Civil/Divulgação

.

.

Na última quinta-feira, 21, a Polícia Civil prendeu um jovem de 25 anos, identificado como Neikysson de Araujo Neres, suspeito de matar, arrancar os olhos e a pele do rosto da vítima, Eron Rodrigues de Oliveira, de 57 anos. O crime aconteceu em Luziânia, cidade goiana do Entorno do Distrito Federal. Conforme a PC, suspeito e vítima eram amigos.

“O motivo do crime a gente ainda não sabe, até mesmo porque o suspeito ficou calado em depoimento. [O motivo] de tamanha crueldade, eu não sei explicar”, disse o delegado Maurício Passerini, responsável pelo caso.

O crime aconteceu no dia 29 de maio de 2018. O corpo da vítima foi encontrado em um matagal, na zona rural de Luziânia, por um funcionário da companhia de energia elétrica que fazia reparos na linha de alta tensão.

Conforme a Polícia Civil, o suspeito foi identificado porque estava utilizando o celular da vítima. Segundo a corporação, outra evidência do jovem na participação do crime é o fato dele ter se mudado de casa logo após o acontecido.

Após pedido da polícia, o Poder Judiciário expediu o mandado de prisão temporária contra Neikysson. O delegado apura a participação de, pelo menos, mais duas pessoas no assassinato. “É um grande mistério como a vítima foi levada para o local em que o corpo foi achado. Trabalhamos com a hipótese de outros autores, mas não vou expor para não atrapalhar o resultado”, disse Maurício.

Comentários

Destaque

Aluno planejava ataque em escola de Uruaçu, tinha armas de fogo em casa e detalhes escritos

    Um menor de idade foi apreendido