Ex-vereador é preso suspeito de tentar matar prefeito a tiros

Ex-vereador é preso suspeito de tentar matar prefeito a tiros

- emGoiás, Polícia, Política
Ex-vereador Herculanito Lima / Foto: Câmara Municipal de São Domingos/Divulgação

.

.

Matéria: reprodução/G1 Goiás

Um ex-vereador foi preso em flagrante suspeito de tentar matar a tiros o prefeito (e candidato à reeleição) de São Domingos (GO), Cleiton Martins (PL), na tarde desta sexta-feira (23). Segundo a Polícia Civil, durante a briga, Herculanito Lima acabou sendo imobilizado até a chegada da Polícia Militar. A motivação ainda é investigada.

Ao tentar evitar os disparos, o prefeito entrou em luta corporal com o ex-vereador. Eles trocaram socos, acabaram se ferindo e precisaram de atendimento médico. De acordo com a polícia, Herculanito negou as acusações.

O delegado responsável pelo caso, Alexandre Câmara, disse que, quando o suspeito tentou fazer o primeiro disparo, a arma falhou. Quando estavam atracados, alguns tiros foram dados, mas ninguém se feriu.

“Uma testemunha ocular me narrou que o autor se aproximou do prefeito dizendo que queria conversar com ele e o prefeito pediu para aguardar. Em ato contínuo, ele sacou um revólver e efetuou um disparo na direção do prefeito. A arma falhou, o prefeito foi para cima dele para tentar tomar a arma, e eles entraram em luta corporal”, disse o delegado.

“Durante essa luta, houve a tentativa de mais dois ou três disparos, eles não têm certeza diante do nervosismo da situação. Um popular conseguiu segurar o autor, e o prefeito tomou a arma dele e acionou a polícia. Aguardaram e foram conduzidos à delegacia”, completou.

Vítima Cleiton Martins / Foto: reprodução

Vias de fato

O prefeito disse que Herculanito foi até o encontro dele para “tratar de assunto referente à política”. Eles tiveram um desentendimento rápido até que o ex-vereador sacou a arma.

“Quando o disparo não saiu, para não dar espaço para ele municiar a arma novamente, eu parti para cima dele para tomar a arma, escapuliu o braço dele e bateu com a arma na minha cabeça”, relatou o prefeito.

Martins afirmou ainda que, um dia antes, também por desavenças políticas, Herculanito já o havia ameaçado indiretamente. “Ontem [quinta-feira, 22], ele falou para o meu vice que iria atirar em mim”, afirmou.

O caso é investigado como tentativa de homicídio.

Comentários

Destaque

Vereador e Presidente da Câmara de Rialma Edson Rodrigues doa cestas básicas através de seu próprio salário

    No último dia 23 de fevereiro,