Em Rialma, criança de 11 anos é encontrada morta com corda envolta ao pescoço e polícia suspeita de suicídio

Em Rialma, criança de 11 anos é encontrada morta com corda envolta ao pescoço e polícia suspeita de suicídio

- emAcidente, Goiás, Polícia, Rialma
Foto: reprodução

 

 

Uma criança de 11 anos, identificada como Pablo Henrique Correia da Silva Santos Pires, foi encontrada morta na tarde deste domingo (08) com uma corda envolta ao pescoço. O caso aconteceu na Rua 15 de novembro, esquina com a Rua Tiradentes, no Setor Planalto, em Rialma.

De acordo com informações da Polícia Militar, no momento do ocorrido estavam no local dois irmãos;  um de 11 anos e outro de 7. A criança de 7 anos contou que o irmão, Pablo, colocou a corda no pescoço e que de alguma forma se machucou. Ele teria tentado “acordar” Pablo, mas não teve sucesso.

Conforme a PM, a corda estava amarrada em uma vigota. Após os trabalhos periciais, o corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Ceres, onde passará por de exames.

Pablo Henrique fazia o 6º ano no Colégio Rui Barbosa, em Rialma. Uma de suas professoras disse que ele era um aluno exemplar e muito educado.

A Polícia Civil também já investiga o caso. Segundo o Delegado Matheus Costa Melo, até o momento o caso é tratado como suicídio, mas é necessário aguardar os resultados dos exames e da perícia. O delegado ainda disse que irá ouvir os familiares e testemunhas para saber quem realmente estava na casa no momento e ajudar a confirmar ou não a hipótese de suicídio.

 

Comentários

Destaque

Três assaltantes são mortos em confronto com o GPT de Ceres e Uruaçu nesta terça-feira (11)

    Três assaltantes foram mortos em confronto