Como melhorar o aspecto das mamas?! Neste artigo o Cirurgião Plástico Paulo Costa fala sobre silicone e inovações

Como melhorar o aspecto das mamas?! Neste artigo o Cirurgião Plástico Paulo Costa fala sobre silicone e inovações

Dr. Paulo Costa

Por Paulo Costa

Quando indagamos qual parte do corpo é mais valorizada pelas mulheres, grande parte salienta as mamas. Afinal, além de representarem a maternidade, com função de amamentação e sinal de afeto mãe-filho, também possuem importante destaque na silhueta do corpo feminino.

Mas para muitas pessoas elas representam grande insatisfação. São diversas alterações como volume muito pequeno ou excessivo, queda da mama (conhecida como ptose), mamilo invertido ou muito proeminente, aumento do complexo aréolo-mamilar, retrações e assimetrias. Tais problemas podem gerar dores cervicais, dificuldades para se exercitar ou mesmo vergonha e constrangimento.

Imagem: reprodução

Com tantos problemas possíveis, o que deveria ser sinal de estima e confiança, pode representar um pesadelo cotidiano para algumas. Porém, com ajuda adequada, ele pode se transformar em um sonho.

São diversas técnicas disponíveis para cada situação, desde aumento de volume com implantes de silicone, elevação, redução de volume, modificações na aréola e mamilos, simetrização, etc. Com adequada avaliação e conversa sobre os desejos e expectativas de cada paciente, podemos traçar o melhor planejamento para cada caso.

Imagem: reprodução

O procedimento mais realizado referente as mamas é a colocação de implantes de silicone para aumento de volume. Mas você conhece os implantes?! Já tocou em um?!

Desde o início de seu uso para aumento mamário eles sofreram grandes alterações, e hoje estamos na sexta geração dos implantes. O material utilizado é um gel de silicone altamente coesivo com um envoltório muito resistente e praticamente inerte ao organismo. É muito importante conhecer os implantes, tocá-los e ter noção dos diferentes tipos, volumes e texturas. Tudo isso é mostrado em consulta para que o paciente se familiarize.

Conciliando uma boa indicação da parte do cirurgião com o adequado entendimento pelo paciente, o procedimento tem baixos riscos e grande índice de satisfação.

Há também uma ótima novidade: já ouviu falar em “Fast track” ou “Fast recovery”? Temos hoje para casos específicos protocolos de recuperação rápida, onde a paciente inicia movimentação dos braços já no primeiro dia pós-operatório e pode retornar rapidamente as suas funções laborais.

O mais importante é não deixar que aspectos que a incomodem sejam guardados e gerem frustração. Conte para um profissional suas angústias expectativas, discuta e tire dúvidas, assim poderá alcançar as melhorias desejadas.

Cirurgião plástico Dr. Paulo Costa e Dermatologista Dra. Caroline Prohmann

Dr. Paulo Costa
Cirurgião Plástico
Membro da SBCP
CRM-GO 25805
RQE 13956

Comentários

Destaque

Prefeitura de Rialma comunica que haverá apresentação do Ballet Municipal na sexta-feira, 04 de dezembro

    A Prefeitura Municipal de Rialma informa