“Cabelo de homossexual” fez pai arrancar na faca couro cabeludo de criança de apenas 10 anos, em Goiás

“Cabelo de homossexual” fez pai arrancar na faca couro cabeludo de criança de apenas 10 anos, em Goiás

- emGoiás, Polícia
Foto: divulgação / Polícia Civil de Goiás

 

 

A Polícia Civil de Goiás (PC-GO) divulgou nesta sexta-feira (12) os detalhes do caso de um homem de 33 anos que foi preso após arrancar o couro cabeludo do filho, de apenas 10 anos, com uma faca.

O caso aconteceu na última terça-feira (09), em Planaltina de Goiás, a 206 km de Anápolis, e está sendo investigado pelo delegado Thiago César.

No momento do crime, o pai teria chegado bêbado em casa e decidido castigar o menino por ele estar usando um corte de cabelo “homossexual”. O pai pegou uma faca e, ao tentar arrancar um tufo dos fios, acabou escalpelando parcialmente o menino. A mãe do garotinho também teria sido ameaçada.

A Polícia Militar foi acionada e esteve no endereço do suspeito, que deu “trabalho” e se negou a acompanhar os agentes. Por isso, ele foi autuado por desacato, resistência e desobediência e teve a prisão preventiva autorizada pela Justiça. Já o garotinho teve de ser levado para um hospital de Brasília, onde passou por uma cirurgia reparadora na cabeça.

O menino recebeu alta na quinta-feira (11) e já passou por exame de corpo de delito do Instituto Médico Legal (IML). O laudo deverá sair nas próximas horas e a expectativa da Polícia Civil é utilizar o resultado para indiciar o homem pelo crime de tortura.

Foto: divulgação / Polícia Civil de Goiás

Fonte: Portal 6

Comentários

Destaque

Saúde Infantil: Prefeitura de Ceres realiza Funcional Kids no Parque Curumim

    A Prefeitura de Ceres, por meio