Após 20 dias na luta contra o coronavírus, moradora de Ceres dá o seu relato sobre a doença e fala em “milagre”

Após 20 dias na luta contra o coronavírus, moradora de Ceres dá o seu relato sobre a doença e fala em “milagre”

- emCeres, Goiás, Saúde
Paciente / Foto: reprodução

 

 

A moradora de Ceres, Antônia Cordeiro da Silva, de 51 anos, passou 20 dias lutando contra o novo coronavírus, chegando a ficar internada no Hospital de Campanha (HCamp) de Águas Lindas de Goiás. Recuperada da doença, ela contou sobre sua experiência com a Covid-19. As informações são do Jornal Populacional.

Em entrevista, Antônia relatou que não sabe como e onde se contaminou, porém que tudo começou há cerca de 20 dias. À época ela pensou que fosse um resfriado, teve febre, falta de ar e começou a se medicar por conta própria com dipirona. Como a situação se agravou, Antônia decidiu ir até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Ceres. Na unidade, ela foi informada que estava com sintomas de dengue e foi medicada para a doença.

A paciente retornou para casa, mas, após duas semanas, seu quadro de saúde estava pior. Antônia não comia, não conseguia se levantar da cama, tinha febre e tosse seca. Apenas neste momento os familiares começaram a suspeitar de Covid-19.

Antônia foi levada ao posto de saúde do Setor Vila Pedrosa. Na unidade, o médico executou um protocolo para covid e a encaminhou para a UPA. Desta vez, a paciente ficou internada e posteriormente foi transferida para o HCamp, em Águas Lindas de Goiás. No Hospital de Campanha a paciente passou três dias. O tratamento foi feito utilizando respirador e medicações, como amoxilina e dipirona.

Segundo a paciente, sua saúde chegou a ficar em estado grave, entretanto ela não foi colocada em uma UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Antônia relatou que, no Hospital de Campanha, os médicos deixaram claro que não existia um tratamento certo e que ela deveria se apegar a sua fé para vencer a doença. Medicações como a hidroxicloronina e ivermectina foram propostas à paciente, mas ela não aceitou. Agora curada, Antônia atribui sua recuperação a um verdadeiro milagre.

Comentários

Destaque

No dia do Servidor Público, 28 de outubro, SINDAVALE publica nota de agradecimento aos servidores públicos de Ceres

    Neste dia 28 de outubro –